Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tarot na net: a qualquer hora e em qualquer lugar

Com o meu método, pode através da internet fazer uma tiragem de tarot com veracidade e seriedade sem sair de casa. Poderá experienciar o mundo do tarot de uma forma muito positiva: tarot_net@sapo.pt

Tarot na net: a qualquer hora e em qualquer lugar

Com o meu método, pode através da internet fazer uma tiragem de tarot com veracidade e seriedade sem sair de casa. Poderá experienciar o mundo do tarot de uma forma muito positiva: tarot_net@sapo.pt

30.10.10

O que aprendi depois de ser pai :-)


Márcio Branco

 

Viver é aprender, como se costuma dizer e esta experiencia de ser pai tem-se revelado bastante proficua em aprendizagens e tenho a certeza que não vão ficar por aqui.

Então vamos lá partilhar com todos vós o que tenho aprendido:

 

  • Sempre achei a calçada portuguesa pouco propicia para os transeuntes, os passeios com esta calçada são irregulares e rapidamente as pedras ficam polidas. E se estivermos a falar de senhoras com calçado de salto alto então ainda é pior, esta calçada deve ser responsavel de diversos acidentes por ano (é uma ideia que tenho!!). Mas desde que sou pai que passei a adorar a calçada portuguesa e por uma simples razão, esta calçada faz muito bem à regulação dos intestinos da Matilde. Sempre que a levamos a passear por este tipo de calçada, a trepidação faz com que a Matilde adormeça e quando chega a casa tem sempre a fralda bem cheia e isso é optimo pois depois não é atacada pelas malditas cólicas. Portanto, eu que achava que a calçada portuguesa apenas servia para provocar quedas embaraçosas afinal a calçada portuguesa é uma ajuda preciosa para os pais e mães deste país que querem apenas acabar com as cólicas dos filhos.

  • O mito das fraldas de marca versus as fraldas de marca branca, verdade ou mentira? A minha curta experiencia indica-me que as fraldas de marca branca protegem e absorvem da mesma forma que as fraldas de marca mais conhecidas o que verifiquei de facto é que por exemplo as fraldas Dodot são mais largas e ajustam-se bem, o que quer dizer que mesmo que o pai seja maçarico ao vestir a fralda ela vai encaixar bem e desempenhar bem o seu papel, já as fraldas de marca branca precisam de ser bem ajustadas para que depois não existam episódios de fugas, quer durante a noite quer durante o dia mas absorvem e protegem de igual forma.

  • As roupas de bébés são muitos giras mas algumas são bastante mal feitas!!! Ou têem a zona dos braços muito apertadas, ou a zona do pescoço está mal proporcionada em relação aos braços e os elásticos nas calças de bébé são geralmente muito apertados. Não há melhor que os fatinhos que apertam e abrem na parte de baixo, facilita a vestir e a despir para mudar a fralda.

  • Ir almoçar a um restaurante tem muita ciencia, quando se tem um bébé de 3 meses não se pode esperar que ele esteja sempre a dormir de forma a que a refeição seja tranquila e no minino pouco barulhenta para os restantes clientes do restaurante assim desenvolvi uma técnica que acredito já ter sido descoberta pelos outros pais e essa técnica consiste no seguinte, depois do bébé mamar/comer ele geralmente adormece e nesse periodo os pais podem descansar um pouco, assim estabelecemos o nosso horário de refeição depois da Matilde comer e depois de ela mamar ela geralmente adormece e aguenta entre 2 a 3 horas, nesse tempo podemos ir almoçar com alguma segurança que ela não acorda!!

  • Outra coisa que aprendi é que os bébés rapidamente que ficam uns manhosos!!!! Ehehehehe

 

Mas tem sido uma verdadeira aventura estes ultimos 3 meses e só posso recomendar :-) Se acharem que estão preparados para serem pais avancem porque é uma experiencia única e muito enriquecedora :-)

 

29.05.10

Curso de Preparação para o Parto


Márcio Branco

Estando empenhado em ser um pai participativo em todos os momentos da gravidez da minha esposa, comecei nas ultimas semanas o curso de preparação para o parto e até agora tem sido muito interessante e bastante aventureiro (e daqui a umas linhas já ficam a saber porquê!).

Na primeira sessão fiquei a conhecer os diferentes tipos de respiração que as grávidas devem de praticar em casa para ficarem mais resistentes e preparadas para no momento do parto estarem "em forma" para a derradeira expulsão do bébé.

Três tipos diferentes de básculas (técnicas de respiração) e que o pai não podendo participar no acto deve pelo menos de ajudar e orientar a mãe, porque segundo a enfermeira no momento do parto a grávida estará menos concentrada, ou pelas dores que vão aumentando quer pelo cansaço natural depois de algumas horas de contrações e a figura paterna faz toda a diferença para motivar e ajudar a focar a grávida (faz sentido e pelo menos temos um papel importante!!!Eheheheheh)

Também já aprendi a dar banho ao recém nascido, com e sem vestigios do cordão umbilical (depois na pratica real acredito que seja mais complexo) mas ver e fazer com um boneco não parece dificil :-)

Mas a grane aventura para mim foi numa das ultimas sessões em que dai directamente do trabalho e fui para a aula e ficamos numa sala super pequena e cheia de gente. A sala estava super quente e abafada e aqui o vosso amigo cometeu a proeza de estar desde a hora do almoço sem comer nada :-(

Esta brincadeira saiu-me cara pois literalmente tive uma quebra de tensão e desmaiei em plena aula de preparação para o parto.

Imaginem a cara das grávidas ai verem um desmaio em directo!!!!

Felizmente eu caí bem pois a minha queda foi amparada por uma parede e foi como se estivesse a cair em posição sentada e nenhuma grávida teve a infelicidade de levar comigo por cima (que sorte!!!).

Fui prontamente assistido e a causa foi logo detectada de imediato, falta de açucar no sangue e falta de ar (duas combinações explosivas).

Ficam já a saber que devem comer de 2 em 2 horas (eu agora faço isso!!!) pois estas quebras de tensão podem dar em qualquer altura e imaginem que vão a conduzir e ficam sem sentidos??!!

Pela minha experiencia não se sente nada de estranho e simplesmente desmaiamos.

Devo ser dos poucos homens que não conseguiu "sobreviver" a uma aula de banho e massagem para o bébé!!!!Eheheheheheh

Imagino o que devem pensar agora as outras grávidas e respectivos companheiros: "Aquele tipo é mesmo fraquinho!!! Nem dar banho ao bébé aguenta! Quero ver no momento do parto!!!"

E já partilhei a minha aventura mas para que fiquem descansados eu já estou bem :-) Agora já tenho mais cuidado com a alimentação e já não fico muitas horas sem ingerir nada :-)

Até breve e fiquem bem :-)

10.04.10

Alguma coisa de facto muda...


Márcio Branco

Desde que soube que vou ser pai tenho reparado que alguns pensamentos meus/ideias de vida têm mudado radicalmente.

Nunca fui uma pessoa presa ao passado, nunca olhei para trás e pensei "O meu tempo está cada vez mais curto!" e desde que sei que vou ser pai estou cada vez mais com o pensamento "E se não conseguir estar cá o tempo suficiente para fazer a minha filha feliz e realizada".

Não é receio de morrer, é uma sensação de que agora tenho muito para fazer, tenho uma pequena vida ao meu encargo, tenho que estar cá o maior numero de tempo para poder passar tudo para a minha filha, é estranho ou sou só eu??!!

E como quero passar o maior numero de informação à minha filha até resolvi fazer um projecto especial para ela, a ser apenas revelado daqui a muitos anos (mas vou partilhar convosco qual é):

Criei um blogue privado, onde estou a escrever a minha história de vida, dos avós, das pequenas situações de vida, enfim, passar para escrito tudo aquilo que mais tarde poderá ser fonte de informação para ela ou para eles!

Achei este projecto uma forma interessante de perpétuar o meu laço e vinculo com ela e com a vida dela (mesmo que depois não esteja presente).

Começo a perceber um pouco algumas das coisas que os meus pais me diziam e começo a perceber muitos dos anseios deles, parece que alguma coisa muda na nossa biologia porque o que era "sem sentido" ontem faz todo o sentido hoje!!